Sintra

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Só o frio que se faz sentir pela manhã me recorda que estamos no Inverno.Os dias deixam-se invadir pelo sol e Sintra permanece brilhante, igual a si mesma.


Com este tempo, boa parte do fim-de-semana  foi dedicado à caminhada. Resolvemos brindar uns amigos "citadinos" com um longo passeio por alguns dos nossos cantinhos. E porque há muito que lá não íamos, também demos um pulo ao Castelo dos Mouros




Foram três horas a caminhar, a redescobrir recantos e encantos de sempre...



Mas poderiam ser mais, porque Sintra nunca cansa!



Sintra é inesgotável! 



Caprichosamente misteriosa, nunca se desvenda. Mesmo quando voltamos aos lugares de sempre, ainda tropeçamos no novo.



No domingo fomos até à Casa das Histórias Paula Rego ver as actuais exposições, Oratório e O corpo tem mais cotovelos. Notáveis! Há momentos em que quase paramos de respirar para deixar o silêncio entrar. Não percam!


No regresso, tivemos a certeza de que há momentos guardados para nós... 


Bendita teimosia,  que um dia me fez decidir habitar este bocadinho do paraíso.

1 comentários:

Guilherme Duarte 18 de fevereiro de 2012 às 22:14  

Onde houver um blogue sobre Sintra estou lá caido a bisbilhotar. Gostei do que aqui vi.

Enviar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP